[Resenha] O Diário de Mr. Darcy

Título: O Diário de Mr. Darcy
Título original: Mr Darcy Diary
Autora: Amanda Grange
Páginas: 320
Ano: 2007

Lido em: Junho de 2015
Comecei e terminei em: 5/6/2015
Tempo de leitura: Algumas horas
Li estre livro em poucas horas, por ser em forma de diário. Honestamente, eu me interessei em ler "O Diário de Mr. Darcy", porque sabia que era baseado em "Orgulho e Preconceito" da Jane Austen (Que eu ainda não consegui ler, infelizmente).
Gostei da forma como Darcy contou a história, porque justamente por ser "diário" é que eu imaginava que cada dia acontecia uma coisa diferente  e interessante para descobrir.
O que mais tenho a destacar não é nem a respeito da história em si, mas dos personagens.
  • Lizzie Bennet tem uma personalidade e tanto, diz o que pensa com sinceridade e honestidade, sem medo do que os outros irão pensar de sua opinião. Essa é a característica dela que mais me impressiona, por ser corajosa e inteligente, tudo em prol da defesa de seus ideais. 
  • Darcy é inteligente, e entretanto, não se abre muito com os outros (só quando lhe perguntam algo ou coisa do tipo). Entretanto, o mais impressionante é ele reconhecer as qualidades de Elizabeth Bennet, mesmo sendo tão diferente dela. 
  • Tenho uma raiva imensa das irmãs do Bingley (Caroline e Louisa) e da tia do Darcy, dona Catherine. Essa gente preconceituosa que só fala mal dos outros, hein! Que coisa! 
  • Bingley poderia ser mais decidido e ter mais personalidade, ao invés de sempre viver indeciso e ficar perguntando tudo para o Darcy só porque são amigos! Uma dose de atitude faz bem, às vezes! 
Enfim, embora a história seja legal e envolvente (eu pude sentir várias emoções ao ler, e até mesmo rir de algumas passagens), os personagens foram o maior problema para mim (com exceção de Elizabeth e Darcy). Se tivessem uma personalidade melhor, este livro seria bem mais interessante para mim (não que já não seja, mas poderia ser melhor). 

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

William Shakespeare:Romeu e Julieta-Trecho; A "Cena do Balcão", Ato II, Cena II

Yuki Furukawa (古川雄輝)

A Viagem de Chihiro - As Metáforas por trás da História