[Trechos de Livros] Discurso da Princesa Ana Markov

No livro de Marina Carvalho, intitulado "De Repente, Ana", a protagonista Ana Carina Bernardes Markov precisa fazer um discurso ao povo da Krósvia, explicando os motivos de sua subida ao trono. Eu gostei do fato de ela poder fazer um pronunciamento e tal, então decidi reproduzi-lo aqui: 
Eis as palavras de Ana:

"Caro povo krosviano, 


É com o coração apertado que, hoje, apresento-me diante de vocês. Há algumas horas, não somente eu e a família Markov, mas todo o país, recebemos a notícia que talvez seja a pior dos últimos tempos. Nosso querido rei, voltando de uma conferência, foi vítima de um acidente aéreo. Por sorte e pela proteção divina, sua vida foi poupada, o que, infelizmente, não ocorreu com o pobre piloto, Sergei Smirnoff. Aos seus entes queridos, expressamos nossas condolências. 
Nesse momento, Andrej se encontra sob os cuidados da competente equipe médica do Hospital Nicolai Tolstoievisky. Ele não poderia estar em melhores mãos. A equipe do Doutor Dimitri Pavlov tem feito até feito até o impossível para trazer Andrej Markov de volta para nós. Agradeço-lhes, em nome da Krósvia, pelo empenho e dedicação. 
Ainda não podemos afirmar que tudo voltará ao normal em breve. Embora estejamos otimistas, o estado de saúde do rei inspira muitos cuidados. Pedimos que o coloquem em suas orações do dia, porque precisamos dele aqui, no lugar que ocupo agora e em tantos outros, para que possamos dar continuidade ao irreparável trabalho de comandar essa nação exemplar. 
No entanto, enquanto Andrej se recupera, não podemos abaixar a cabeça e aguardar passivamente que o país se oriente sozinho. A família Markov, apesar de estar devastada com esse episódio chocante, tem a obrigação de perpetuar o nome de seu rei e honrar a população, dando continuidade à sua administração, motivo de orgulho para cada cidadão krosviano. 
Sendo assim, declaro que, a partir deste momento, eu, Ana Carina Bernardes Markov, na condição de única herdeira do trono da Krósvia, assumo o lugar temporariamente deixado por meu pai, o rei Andrej Markov, tornando-se a mais alta representação do Estado Krosviano nas relações internacionais, especialmente com as nações de nossa comunidade histórica, exercendo as funções que a mim atribuem expressamente a Constituição e as Leis. 
Aqui, diante de todos, presto o juramento de desempenhar fielmente minhas funções, guardar e fazer guardar a Constituição e as leis e respeitar os direitos dos cidadãos da capital e das províncias, até que meu pai esteja apto a assumir novamente o seu lugar, que é dele por direito.
Peço que me auxiliem ao longo deste período, trabalhando pelo país da melhor forma possível, como sempre fizeram. Ainda que eu não tenha nascido aqui, a Krósvia é o meu lugar e por ela darei meu sangue (estremeci com a força da palavra) para manter seu equilíbrio, desenvolvimento e prosperidade.
Sou muito grata pelas manifestações de carinho. Sem elas me faltaria a coragem necessária para seguir adiante. 

Um grande abraço a todos. E tenham uma excelente noite"

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

William Shakespeare:Romeu e Julieta-Trecho; A "Cena do Balcão", Ato II, Cena II

Yuki Furukawa (古川雄輝)

A Viagem de Chihiro - As Metáforas por trás da História