Comuna de Paris

A chamada "Comuna de Paris" (1871) foi a primeira tentativa de criação e instalação de um governo socialista. 
Acontece que após a Guerra Franco-Prussiana, Napoleão III, o então soberano da França, assinou o tratado de rendição contra a Prússia, e a capital estava cercada pelo exercito prussiano. Isso gerou desconforto e preocupação da população de Paris.
Mas a derrota e a rendição contra a Prússia não foi a única razão para as pessoas se revoltarem. Havia outros motivos, tais como: 
  1. Dominação da burguesia sobre o proletariado
  2. Péssimas condições de trabalho dos operários 
  3. Tentativa de o governo jogar para cima dos trabalhadores, as dívidas de guerras, que deveriam ser pagas com aumento de impostos.
Assim, estourou uma revolta contra o governo francês.Os revoltosos eram os proletariados, que com o apoio da Guarda Nacional, tomaram o poder em março de 1871, instalando a Comuna de Paris, que era composta por 90 pessoas eleitas pelo voto universal masculino. Os integrantes representavam as diferentes vertentes socialistas, entre elas, o marxismo.
A Comuna implantou algumas medidas, tais como:
  • A separação entre Igreja e Estado (Estado Laico).
  • Controle de preços de mercadorias alimentícias 
  • Ampliação do prazo para pagar aluguéis 
  • Salário fixo aos operários 
  • Medidas para melhorar a habitação
  • Proteção contra desemprego
  • Administração fábricas pelos próprios operários 
  • Administração do governo municipal de Paris feita pelos próprios funcionários públicos
  • Ensino grátis a todos.
Entretanto, a Comuna foi duramente reprimida por militares do governo francês após 2 meses de instalação. Aproximadamente 20.000 pessoas (homens, mulheres e crianças) foram mortas e 38.000 foram aprisionadas.

Fontes de pesquisa: 

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

William Shakespeare:Romeu e Julieta-Trecho; A "Cena do Balcão", Ato II, Cena II

Yuki Furukawa (古川雄輝)

A Viagem de Chihiro - As Metáforas por trás da História